Eleições 2010 (segundo turno): Apuração, Resultado, Presidente e Governador

Anúncios

Santos rejeita proposta por Alan Patrick

Shakhtar Donestk (UCR) não oficializa, mas se dispõe a pagar 7 milhões de euros pelo meia

Alan Patrick recebeu proposta da Ucrânia

Depois de rejeitar a primeira proposta, de 5 milhões de euros (R$ 11,1 milhões), o Santos mais uma vez disse “não” a nova investida do Shakhtar Donestk (UCR) pelo meia Alan Patrick.

Na última quinta-feira, depois da reunião sobre o plano de carreira para Ganso, o Santos recusou um possível aumento da proposta, que não chegou a ser formalizada, mas chegaria a 7 milhões euros (R$ 15,5 milhões).

– Nos reunimos ontem e o presidente disse que não abre mão do Alan Patrick, tanto ele quanto a família do jogador saíram felizes – afirmou Bruno Paiva, agente do atleta.

O presidente Luis Álvaro Ribeiro, que retornou por volta das 14h de Porto Alegre, seguiu direto para a reunião de Ganso e, logo depois, sentou-se com os agentes do jogador e o pai do meio-campista, Márcio Lourenço.

– Conheço bem o Alan, tem um futuro extraordinário. Foi peça fundamental na Copinha e, por um acidente ou outro, ainda não está jogando regularmente. Abriu um espaço a mais, apesar de não ser da mesma posição do Ganso, e ele tem tudo para aproveitar – disse o mandatário.

Segundo Márcio Lourenço, a proposta chegou a balançar, mas a ideia é que permaneça no Santos por mais algum tempo já que agora também pode brigar pela titularidade.

– Para a família seria uma condição financeira muito boa, mas não podemos pensar só no dinheiro, vamos ver se ele se valoriza ainda mais. O Alan gosta do Santos e o presidente o considera uma joia – explicou.

Recentemente, o meia renovou o seu contrato até o fim de 2014, com multa de 20 milhões de euros (R$ 44,6 milhões).